As 12 Guardas da Espada Longa - Parte 2

Anteriormente, n'As 12 Guardas da Espada Longa - Parte 1, de Fiore dei Liberi, vimos as quatro primeiras guardas apresentadas em seu manuscrito. Hoje veremos mais quatro: posta longa, porta di ferro mezzana, posta breve e dente al cinghiara.


Lembrando que não é minha intensão exaurir as ações e discussões sobre estas guardas. Pelo contrário, essas publicações têm como intuito instigar a prática e a pesquisa dos alunos. Novamente, as traduções são de Miúriel de Aquino Goulart, do manuscrito Il Fior di Battaglia (MS Ludwig XV13), o "Getty".


Então sem mais delongas...


Progressão de 12-Poste

Paramos em Posta di Dona Sinestra. Daqui, faremos um roverso fendente com passo atrás, terminando em Posta Longa, ainda olhando para o Noroeste.


Posta Longa

"Posta longa é essa, cheia de falsidade. Ela vai testando as guardas e se pode enganar o companheiro. Se ela pode ferir de ponta, o sabe fazer bem. E os golpes ela esquiva, e pode orgulhosa o fazer. Mais do que as outras guardas, a falsidade sabe usar."


Espada na linha central, apontando para o rosto, garganta ou torso do oponente. Braços estendidos na altura do esterno. Este é o nosso maior alcance.


Ações de Posta Longa

Essa guarda é boa para coletar os ataques e provocar as outras guardas para agir. Daqui faremos nossas ações com o stramazzone (uma tutta volta da espada feita a partir do pulso).

  1. Mandritto fendente

  2. Roverso fendente

  3. Mandritto sottano

  4. Roverso sottano


Progressão de 12-Poste

Após o roverso sottano, seguimos o movimento da espada junto a uma volta stabile do quadril à direita, indo até Porta di Ferro Mezzana, olhando para o Leste.


Porta di Ferro Mezzana

"Esta é a porta de ferro média, por que está no centro e é uma guarda forte, mas ela quer uma espada longa. Ela lança ponta forte e rebate por força a espada em subida e volta com fendente pela testa ou pelos braços e após volta na sua guarda. Bem chamada porta porque ela é forte. E de guarda forte que mal se pode romper sem perigo e vir ao jogo estreito."


Espada na linha central, ponta para o chão, mãos ao lado do joelho da frente.

Ações de Porta di Ferro Mezzana

Essa guarda faz suas ações subindo e descendo, defletindo os golpes e golpeando em dui tempi. Lembre de virar ligeiramente o quadril para a origem do ataque para ampliar a deflexão.

  1. Deflexão ascendente.

  2. Seguido de fendente.


Progressão de 12-Poste

Para fazer a transição para a próxima guarda, basta erguer a espada em Posta Breve e fazer passo à frente. Continuamos virados para Leste.


Posta Breve

"Está é posição breve que quer espada longa. Ela é guarda maliciosa que não estável. Também sempre se move e vê se pode entrar com ponta e com passo contra o companheiro. E é uma guarda mais apropriada em arma do que sem arma."


Mãos na altura do abdome, cotovelos fletidos e para dentro, espada na linha central apontando para o rosto, garganta ou torso do oponente.


Ações de Posta Breve

Essa guarda é muito traiçoeira, então vamos enfatizar essa qualidade praticando o cavatione: um tipo especial de mezza volta em que desengatamos da espada do oponente e readquirimos o controle no mesmo lado.

  1. Cavatione pelo lado de dentro, controlar o centro e estocar.

  2. Cavatione pelo lado de fora, controlar o centro e estocar.

Progressão de 12-Poste

Para fazer a transição para a próxima guarda, basta erguer a espada em Posta Breve e fazer passo à frente. Continuamos virados para Leste.


Dente al Cinghiara

"Está é dente de javali porque o javali apanha o modo de ferir. Ela traz grande ponta para baixo e ao final não se move com passo. E volta com o fendente pelos braços. E alguma vez traz a ponta a face e vai com a ponta acima, e adiante rapidamente e volta com o fendente pela cabeça e pelos braços e volta na sua guarda., e rapidamente joga uma outra ponta com avanço de pé e bem se defende de jogo estreito."


Pomo no quadril à esquerda, ponta para baixo, ligeiramente para a esquerda.


Ações de Dente al Cinghiara

Essa guarda deflete os ataques ao se lançar por trás do golpe do oponente. Ela também estoca e corta as mãos.

  1. Deflexão via Posta Frontale.

  2. Voltar com fendente.

  3. Estocar com avanço do pé da frente.

  4. Cortar as mãos com roverso fendente, então retornar para a guarda.


Progressão de 12-Poste

Daqui, fazemos uma volta stabile do quadril deixando a espada no lugar para chegar em Coda Longa, orientados para o Noroeste.