Fiore dei Liberi

Atualizado: 21 de fev. de 2019

Fiore Furlano de’i Liberi, da Cividale d’Austria, foi um cavaleiro, diplomata e mestre de esgrima medieval itinerante que viveu de meados do Século XIV ao início do Século XV.


Durante a juventude, aprendeu a arte da esgrima. Viajou através do Sacro Império Romano Germânico, onde se tornou discípulo de Johannes Suvenus, antigo aprendiz de Nicolaus con Toblem.


Seu manual Fior di Battaglia foi escrito em 1410 depois de quarenta anos de treinamento e instrução. Pelo menos duas versões foram escritas em latim, e acredita-se que pelo menos uma tenha sido escrita e ilustrada pelo próprio Fiore. Há pouquíssimas versões sobreviventes desses manuscritos.


Seus ensinamentos se dão de forma progressiva e complexa, começando com técnicas sem armas, seguidas de adaga, espada em uma mão, duas mãos, com armadura e, por último, combate montado.


Fiore diz ter lutado cinco duelos com espadas afiadas, vestindo somente um gambeson e luvas como proteção: ele alega ter saído sem ferimentos de todos.


Pessoas se preparando para duelos com espadas, tanto com pouco proteção, quanto em armaduras completas, procuravam o mestre de esgrima para treinar.


Em termos de “descendentes estilísticos”, os candidatos mais óbvios são Philippo di Vadi e Ludwig VI von Eyb.


Os ensinamentos de Fiore são o alicerce para as técnicas de espada longa da PRAELIATOR e para todos os estudantes de HEMA que seguem a tradição italiana.


Ficou curioso e quer conhecer mais sobre os ensinamentos desse mestre da esgrima medieval? Mande-nos um e-mail!


contato.praeliator@gmail.com


Ilustração: Rui Ferreira




Tags: HEMA, Esgrima Medieval, Porto Alegre, Fiore dei Liberi