Os Quatro Animais de Fiore

Ao redescobrir as técnicas de combate dos guerreiros medievais, os praticantes de HEMA se deparam com dificuldades constantes. Uma delas, senão a principal, é averiguar a boa execução das técnicas da esgrima histórica.


Fiore dei Liberi, no seu manual de 1410, Fior di Bataglia, nos fornece um guia prático para conferir se nossa execução das técnicas está correta: ao redor do seu diagrama com os golpes, há quatro animais, cada um representando as qualidades fundamentais para a boa execução da esgrima medieval:



O Lince – Posicionado acima da cabeça da figura e segurando um transferidor na sua pata da frente, ele representa a prudência. O julgamento da distância e uma aproximação cautelosa são essenciais para o sucesso no combate.


Quando estiver analisando a execução de uma técnica de HEMA, certifique-se de primeiro avaliar se você a fez na distância certa e no momento certo.


O Leão – Está no lado direito da figura e com um coração embaixo da sua pata, representando a coragem e a audácia. Nós devemos avançar com ousadia e convicção para encontrar o sucesso marcial.


Muitas técnicas falham por que quem a está executando não está confiante no seu desfecho. Assim, seu corpo não está comprometido de forma a garantir o alicerce estrutural e tático necessário para o sucesso.


O Elefante – Abaixo dos pés da figura está um elefante com um castelo nas costas. Estabilidade, equilíbrio, base são qualidades essenciais que esse animal representa.


Em todas as suas técnicas, saiba como elas se conectam com o chão. Certifique-se de que as suas posições, tanto inicial quanto final, têm equilíbrio e firmeza.


O Tigre – Sentado no lado direito da figura está o tigre, com uma flecha em sua pata. Conhecido pela sua velocidade, o tigre nos diz que devemos ser capazes de executar as ações de forma eficiente e rápida para que elas sejam bem-sucedidas.


Velocidade é uma qualidade traiçoeira em arte marcial. Antes de tentar impor velocidade em uma técnica, nós devemos primeiro executá-la com boa mecânica, precisão e eficiência. Só então podemos adicionar velocidade física à ação e esperar que isso se traduza em velocidade tática.


Ficou interessado e quer conhecer mais sobre os ensinamentos do mestre Fiore?

Mande um e-mail e agende uma aula experimental!

A próxima turma de Fundamentos em Espada Longa inicia dia 05 de maio!

contato.praeliator@gmail.com


Tags: HEMA, Esgrima Medieval, Esgrima Histórica, Porto Alegre

269 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo