Velocidade é Distância


Velocidade é Distância | "Eu, o tigre, sou tão rápido corrrendo e virando que nem mesmo um relâmpago me acerta." - Flor di Battaglia


Embora eu tenha dito que não é a sua velocidade que importa, mas sim quantas velocidades você tem; ser veloz é uma vantagem.


Para garantir velocidade em uma arte marcial precisamos considerar vários aspectos no treino:


Potência

A essência da velocidade é potência. Potência é a habilidade de exercer a máxima força no menor tempo possível. Potência é necessária para arremessar uma bola, pular alto, ou correr um lance de escadas. Treinamentos de força exigem carga (peso além do nosso próprio corpo).

Para uma conexão direta com o treinamento com espada, recomenda-se o uso de espadas com peso dobrado, ou objetos pesados semelhantes à espada, e usa-los para treinar cortes e golpes básicos com velocidade e precisão.

Quando realizamos esse tipo de exercício, precisamos garantir uma correta mecânica corporal e não exagerar na carga. Fazer 5 a 8 repetições completas de forma adequada já está ótimo.


"Os recrutas do exército romano recebiam broqueis de salgueiro, com o dobro do peso dos usados no serviço real, e espadas de madeira com o dobro do peso das comuns. Eles faziam exercícios com essas armas em um poste de manhã e de tarde." - De Re Militari


Importante: sempre consulte um educador físico para ter certeza de que você está usando a mecânica corporal e as ferramentas apropriadas nos exercícios antes de embarcar nesse tipo de treinamento.


Eficiência

Fazer um movimento com uma mecânica precisa é essencial não somente para prevenir lesões, mas também para não perder tempo no movimento. Para um ataque ou uma defesa ser o mais 'rápido' possível, ela deve ir diretamente da posição inicial para a posição final mais eficiente de maneira sólida e eficaz.

Aqui é que o treino lento conduz para o rápido. Se você pular para o treinamento com velocidade máxima sem primeiro garantir que seu movimento esteja tão efetivo quanto possível, você estará perdendo tempo - literalmente.

Idealmente cada movimento que você aprende é treinado com a consultoria de um instrutor. Alguém que é capaz de lhe ajudar e lhe treinar conforme você aprende os movimentos. Uma vez que o movimento está precisamente definido, acelere gradualmente a prática desse movimento e tenha disciplina para não acelerar além do ponto que você seja capaz de realizar o movimento corretamente.


Tempo & Reação

Na tradição Bolognese, bem como na prática do Bruce Lee, o elemento surpresa e escolher atacar no momento em que seu oponente está menos preparado para se defender cria a impressão de velocidade.

A tradição italiana que ensinamos na Praeliator fornece de forma abreviada os momentos ideais para atacar:

  • Primo Tempo - quando o oponente entra em nosso alcance.

  • Mezzo Tempo - durante uma preparação.

  • Dui Tempi - quando forçamos o nosso oponente a recuperar sua arma, e nesse momento o golpeamos.

  • Contra Tempo - quando o oponente nos ataca - desde que isso seja nos nossos termos.


Velocidade é Distância

Um bom esgrimistas está mais próximo do que seu oponente suspeita. Se você aposta corrida contra o homem mais rápido do mundo, mas ele precisa correr um quilometro, e você precisa correr 10 metros, quem irá ganhar a corrida?

Use posicionamento e tempo para lhe trazer mais próximo ao seu oponente e então você será capaz de acerta-lo muito mais rápido do que ele espera.


Tags: Hema, Esgrima Medieval,Fiore dei Liberi

200 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo